quarta-feira, julho 23, 2008

Mudar de vida regredindo… Regredindo…

Há dois meses o PSD decidiu mudar de vida.
O partido laranja, supostamente farto da política populista com que os líderes anteriores nortearam a vida do seu partido, conduzindo-o através de um populismo sem precedentes, decidiu-se pela mudança.
Deste modo, o PSD assumia o erro do caminho percorrido e seleccionava, para a sua nova liderança, a candidata apresentada pelos chamados barões do partido, Manuela Ferreira Leite, em quem confiam estrategicamente para traçar. finalmente, os novos percursos do partido em direcção às próximas legislativas.
Passados dois meses o que mudou então no partido, relativamente as supostas expectativas?
Ora nesta matéria parece que ainda não soprou a tão desejada lufada de ar fresco porque fresco não parece ser o hálito da provecta líder, continuando o partido no grau zero, relativamente à expectativa e, sobretudo, em relação às novas estratégias que, presumivelmente, deveriam conduzir o partido à tão desejável vitória eleitoral. A não ser que consideremos as suas quatro “ideias-chave” que são:
1) Que não há dinheiro para nada.
2) Que não é contra o investimento público em geral nem contra nenhuma obra em particular.
3) Que a família tem como intuito a procriação.
4) Que não cabe à oposição apresentar ideias alternativas à governação.

Como facilmente poderemos constatar, é um panorama pobre muito pobre e a desilusão é ainda maior!.. Com estas pseudo-ideias o PSD, parece continuar longe, muito longe, não sendo alternativa à actual governação, o que, num momento particularmente difícil da conjuntura económica internacional que vem afectando o nosso país e a própria União Europeia, não deixa de ser preocupante, pois o que se pede à Oposição é que seja, verdadeiramente, uma Oposição autêntica; o que não só a transforma numa verdadeira alternativa à governação, como ainda esse contributo só poderá melhorar o acto governativo, através do confronto de ideias, enriquecendo o debate e, logicamente, melhorando a acção política.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home