segunda-feira, março 26, 2007

O Pior Português…

– Ontem à noite ganhou alguém que criou neste país, uma marca de - subdesenvolvimento, que ainda hoje se sente e é visível o nosso atraso relativamente aos nossos parceiros europeus, nomeadamente na Economia, mas, sobretudo, na nossa, (falta de) Educação.

– Ontem à noite ganhou alguém que levou o país e com ele o povo ao obscurantismo, pela repressão e pela força, pela fome e pela miséria.

– Ontem à noite ganhou alguém que criou uma polícia política (PIDE-DGS) que perseguiu e torturou todos aqueles que discordavam do regime.

– Ontem à noite ganhou alguém que mandou assassinar Humberto Delgado, aquele a quem falsificou as eleições, controladas, que permitiu.

- Ontem à noite ganhou alguém que promoveu o meio rural à pobreza e o país a um atraso que ainda hoje se sente.

- Ontem à noite ganhou um déspota que toda a vida andou a evitar as eleições democráticas tendo, finalmente, a sua primeira vitória eleitoral depois de morto. A memória dolorosa de um povo não se respeitou. A memória do sofrimento, das vidas destruídas, da tortura; do atentado à dignidade, da promoção da pobreza honrada e da ignorância feliz.

A violência, a prepotência, o mais elementar desrespeito pelo valor da dignidade humana, a promoção do atraso económico, social e mental, foi tudo esquecido. Esfumou-se a memória. Parece que foi há tanto tempo, já não interessa e as gentes dos brandos costumes dirão que "nem tudo foi tão mau assim..."

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home