quinta-feira, julho 02, 2009

A política de (in)verdade
.
Para ficarmos esclarecidos acerca da credibilidade da senhora, seria bom que, de uma vez por todas, e para não restarem quaisquer dúvidas, que a virtuosa ex-ministra das Finanças esclarecesse, publicamente, para que servem os submarinos que, estouvadamente, comprou? Brinquedos caros que nos "vão custar os olhos da cara", (3,3 milhões) é obra!
Qual a guerra em que pensa usá-los em combate?
Qual a costa ou território que Portugal necessita de defender com submarinos?
Que postos de trabalho vão ser criados?
Quais os impostos pagos ao Estado português pelos construtores dos submarinos e dos equipamentos anexos como electrónica, motores, armas, ou outros?
Temo, como é evidente, que a resposta a todas essas perguntas seja pior que ZERO, ou seja, endividamento público inútil, desnecessário e bacoco, o que é bem pior do que se fosse apenas ZERO...
Por fim, que é o mais preocupante, será esta a alternativa governativa que nos espera?
Pobre país este!…

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home