quarta-feira, maio 09, 2007

Uma longa novela que nem OTA nem (des) OTA

A construção na OTA, do novo aeroporto, foi a opção no Governo de António Guterres, opção essa que foi confirmada no Governo de Durão Barroso e, posteriormente no governo de Santana Lopes e, finalmente decidido pelo actual Governo.

No entanto, a mais patética posição é a do pequeno líder da suposta oposição, Marques Mendes que aceitou sem reservas, (porque nunca sequer objectou esta localização) no Governo PSD de que fez parte, mas que agora contraria na oposição.

Na sequência do que aqui fica dito, além de desonestidade intelectual constata-se no pequeno líder da oposição uma enorme falta de dimensão política que, seguramente, o impedirão de alguma vez chegar a primeiro-ministro.

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home