quarta-feira, fevereiro 06, 2008

E tudo por culpa de quem, um dia, lhes ensinou a escrever



Há um determinado tipo de gentinha que adoptou como alvo a docência e a Escola Pública Portuguesa! Criticam os professores por serem alvos fáceis, porque são transparentes e estarem honestamente, e com profissionalismo, a desempenhar o seu nobre papel na sociedade, enfatizando-se sempre aquele que não cumpre ou o outro que parece ser incompetente.
Como em todas as áreas e profissões, no Ensino, há bons e também alguns menos bons profissionais! Claro quem em outras áreas e profissões também existem! Há maus advogados, maus médicos, maus engenheiros, maus telefonistas, maus empregados de café, maus empregados de balcão, maus pedreiros, maus mecânicos, maus carpinteiros, maus disto e daquilo… E é por isso que são enxovalhados e maltratados? E os pais incompetentes dos alunos das escolas deste pobre país que se demitiram da sua função de educar e atiraram, em exclusivo, para cima da Escola a responsabilidade de educar? Não devem ser criticados e avaliados também?
Sou professor e tenho muito orgulho em sê-lo, pois sempre encarei o Ensino como uma das áreas mais nobres da actividade humana e o acto de ensinar uma verdadeira missão, pelo que o trabalho docente nunca me meteu medo, e os meus alunos são o real testemunho de tudo isto, nem tão pouco dos muitos anos de desempenho na área da gestão e administração da escola pública!
Sempre procurei dignificar e enobrecer a profissão que um dia abracei e fico revoltado perante opiniões de gente maldizente, tantas vezes ignorante e incompetente que apenas diz mal por dizer, porque está na moda desancar nos professores.
E quem desanca é, na generalidade, uma turba de indivíduos, de formação duvidosa, que escrevem, escrevem... E tudo por culpa de quem, um dia, lhes ensinou a escrever!... E sabem que foi? Exactamente os professores que agora tanto criticam...

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home