segunda-feira, fevereiro 08, 2010

A utopia Europeia

Europa unida e socialmente solidária parece continuar a ser uma utopia.
Os países ricos estão-se a borrifando para aqueles mais frágeis economicamente. Este comportamento dos países predominantes do norte e centro da Europa leva-me a pensar que os países periféricos, como os mediterrânicos, só entraram numa certa "Europa" para comprarem os excedentes ou promover, (a baixo preço) banhos de sol aos idosos nórdicos...
Por outro lado, esta obsessão do deficit e prática reprovável de uma oposição extremista e destrambelhada, (da esquerda à direita) colocaram Portugal refém das agências de rating e dos investidores internacionais sem escrúpulos, eles próprios responsáveis pela gravíssima crise económica que desgraçadamente vivemos. Cinicamente são eles que continuam a ditar as regras, (mais do mesmo) na economia do futuro. E sinto que vai ser doloroso a todos nós...
Não bastava já tudo isso, surgem, ainda, sem ninguém esperar, as declarações infelizes e irresponsáveis proferidas pelo Sr. Almunia, (leia-se Comissão Europeia) que, supostamente, nos deveriam defender solidariamente. Estas declarações que provocaram mais um agravamento do prejuízos colossais já existentes na nossa fraca economia, deveriam implicar a demissão daquele (ir)responsável europeu, pois seria o mínimo que deveríamos exigir…
Quem tem, como este senhor, responsabilidades tão grandes, cujo impacto é multiplicado pelo lugar que ocupa, não pode, impunemente, afirmar o que lhe aprouver, sem que tenha que assumir as consequências dos seus actos.
É, portanto, de elementar justiça que este cavalheiro seja demitido das suas funções, visto que não revelar categoria para desempenhar o lugar que ocupa; mas o senhor Barroso parece, também ele, andar distraído!...
Por tudo isto esta esta caminhada por uma Europa Unida vais ser, seguramente, longa e penosa se não continuar a ser mesmo uma verdadeira utopia...

0 Comments:

Enviar um comentário

Links to this post:

Criar uma hiperligação

<< Home